Lei atual para aposentadoria chamada de 85/95

Previdencia 8595

Quando chega o dia da aposentadoria, nunca se sabe a real forma de cálculo para chegar ao valor a receber e sempre é preciso trabalhar mais algum tempo para complementar a idade mínima e tempo de contribuição exigidos por força de mudança na Lei.

É o que está acontecendo agora, o governo publicou uma Medida Provisória chamada de 85/95, em que para ter direito a aposentadoria integral, isso em termo, porque o integral na verdade não é o teto da previdência e nem o valor que você ganha atualmente, mas é a média dos últimos anos de contribuição e que sempre cai, mesmo que você contribua pelo teto.

A aposentadoria é concedida para quem completar o tempo somando a idade e tempo de contribuição chegue ao nr. 85 para mulheres e 95 para homens.

  • Tempo de contribuição mínima para homens: 35 + 60 anos de idade = 95
  • Tempo de contribuição mínima para mulheres: 30 + 60 anos de idade = 85
  • Agora, caso tenha contribuído por 37 anos, no caso de homens, soma mais 58 de idade e já é aposentadoria integral.
  • A mesma regra vale para mulheres, somando o tempo de contribuição e idade deverá dar 85 ou 95.

É possível a aposentadoria antes usando a tabela do Fator Previdenciário, tanto que tenha o tempo de contribuição mínimo de 30 ou 35 anos, para mulheres ou homens, neste caso, a redução no valor a receber será maior.

Para saber mais, consulte a Guiagoverno.com que lá tem a tabela do Fator Previdenciário para 2015.

Esta regra do 85/95 é válida para este ano e para 2015. A para 2017 vai ser 86/96, para 2018 87/97, para 2019 88/98, para 2020 será 89/99 e para 2021 será 90/100.

Lembrando que a atual regra está valendo por Medida Provisória e o congresso ainda poderá alterar ou confirmar, por isso, quem está dentro do tempo, é melhor se apressar para pedir a aposentadoria.

Aposentadoria

Por: F.S.Em: 29 de julho de 2015 | Em Economia  |
Curta no Facebook:

Uma resposta para “Lei atual para aposentadoria chamada de 85/95”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *