Incrível, Comandante de um país ordenou a troca do NATAL pela comemoração do nascimento de sua AVÓ

É uma ordem, o ditador da Coreia do Norte, Kim Jong-Un comunicou a população de que o NATAL está proibido e no lugar ORDENOU que todos comemorem neste dia o nascimento de sua AVÓ. CUMPRA-SE.

Kim Jong-Un comanda a Coreia do Norte com mãos de ferro e lá o que ele diz é lei, não precisa nem de papel assinado. Como ele não gosta das comemorações do Natal, ordenou que espalhem pelo seu país que todos devem comemorar o dia do nascimento de sua AVÓ e esquecer este negócio de nascimento do menino Jesus. Comemorem o dia do nascimento de minha vó.

Jong Suk, a sua vó, nasceu na noite do dia 24 de dezembro de 1919 e foi uma ativista comunista, lutou em uma guerrilha anti japonesa. Casou-se com Kim Sung, o primeiro ditador da Coreia do Norte e mãe do ex líder Jong II.

A sua vó morreu em 1949 em circunstâncias misteriosas e é considerada a “Sagrada Mãe da Revolução”, sendo homenageada até os dias de hoje por uma grande parte da população, com visitas constantes ao seu túmulo, virando uma espécie de santidade.

Kim Jong-Un colocou na cabeça de que não se deve comemorar o Natal e a partir de 2014 intensificou seu pensamento quando avisaram ele de que a Coreia do Sul planejava erguer na fronteira entre as duas Coreias, uma enorme árvore de Natal, só que, não se sabe porque, mas até agora, a árvore de Natal não foi erguida. Todos pensam que o intento não foi adiante para evitar mais conflitos.

Portanto, agora no lugar do Natal, a população deverá comemorar o nascimento de sua querida Vovó Jong Suk.

A capital Pyongyang já foi a sede episcopal cristã da Coreia do e a partir de 1950, recém-separada pela formação das duas Coreias, o governo decidiu que estavam proibidas qualquer tipo de culto ou comemoração ligados com a religião do cristianismo.

Começou a perseguição aos religiosos que teimavam em seguir com os cultos, e, segundo os grupos de defesa dos direitos humanos, em torno de 70 mil pessoas já foram punidas com prisões por desobediência as ordens de não culto a religião cristã.

Fonte: foxnews.com

Por: F.S.Em: 30 de dezembro de 2016 | Em Governo  |
Curta no Facebook:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *